sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

A minha chave do Euromilhões - rubrica semanal

  • 18 - 19 - 25 - 35 - 49 - 
  • 2 - 5
Desconfio que um dos meus sócios já deu de frosques para o Brasil, pois já não aparece aqui há quase 2 semanas. Ó rapaz, tu vê lá que ainda és enterrado na areia... :P

Cada vez que lá vou, lembro-me de ti, rapariga

Então hoje lá fui mais uma vez ao CTB, como tem sido hábito nos meses de Janeiro e Fevereiro dos últimos 4 ou 5 anos. E mais uma vez, vi as meninas que nos chamam e um menino que nunca tinha visto, que se chamava Pedro e que me chamou e atendeu. Tirou-me uma fotografia engraçada. Se quiserem, posso partilhar; peçam muito, tá bem? E é precisamente por causa desta possibilidade de partilha que hoje escrevo. 
O exame foi efectuado rapidamente e qual não foi o meu espanto quando o Pedro me diz que posso esperar pelos resultados no corredor. Habitualmente tenho que lá voltar passados uns dias para levantar os resultados. Vocês sabem como a coisa funciona, n'é?
Entretanto, chego a casa com um grande envelope fechado, em meu nome. Abro-o e lá dentro tem a habitual radiografia e um CD. Que pus no computador, para ver o que continha. E continha a mesma coisa que era exibida na radiografia. E foi aqui que surgiu o tal ponto de interrogação invisível e imaginário por cima da minha cabecinha: qual a necessidade de darem a um utente um bocado de plástico preto e branco flexível e transparente e um bocado de plástico redondo com um furo no meio, contendo exactamente a mesma informação? Então isto não custa dinheiro? O que eu paguei não me parece ser  suficiente para tanto material que trouxe para casa. Será que o médico-dentista que vai olhar para a coisa vê a coisa melhor num lado do que no outro?
Snail, explica-me, se faz favor.

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Comando filial

Cito, novamente: "Eu não quero que os meus filhos não tenham tios ou tias. Arranjem-me um mano!"

Pois tá claro...

Final de tarde

Deliciei-me a ouvir isto ao vivo, pelas mãos de alguém com 14 anos:



segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Ponto assente

Recuso-me a ser NIFomaníaca, ou pelo menos, mais do que era antes da história-de-rabo-escondido-dos-carros-de-alta-gama. Que comecem por cima, que também sabe bem, ora, ora!

domingo, 23 de fevereiro de 2014

Cito:

"Com pasta de dentes valete, a sua boca deixa de cheirar a retrete."

 
Valha-nos santa engrácia!

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

A minha chave do Euromilhões - rubrica semanal

  • 11 - 18 - 19 - 22 - 46
  • 2 - 5
Quantos euros serão necessários para alimentar um carrinho simples como....sei lá, um jaguar?

Update da situação

Há quem diga que eu ando acelerada. Eu não concordo. :P

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Disse uma mentira no outro dia

"Gosto da tua coisa"

Ouvi isto hoje, dirigido a mim, na presença de outra mulher e um homem, completamente out of the blue, logo que entro numa sala, no meio duma conversa que não tinha nada a ver com roupa e que assim prosseguiu depois do meu agradecimento. Vindo de quem veio deixou-me boquiaberta.

Carrapatos

Nunca mais peço o que quer que seja que leve coentros! É pena, porque os manjares alentejanos costumam satisfazer-me bué.

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Abanando a cabeça

Fico pasmada e abismada e animada e deslumbrada com algumas barbaridades que fui deixando na net ao longo destes anos, não só quando leio os meus escritos neste blog, como os comentários que fui deixando aqui e acolá. Nada que me envergonhe em demasia, caso o meu descendente ou familiares sigam religiosamente o meu rasto cibernético, mas houve momentos de parvoíce verdadeiramente sublimes.

A minha chave do Euromilhões - rubrica semanal

  • 10 - 18 - 21 - 33 - 34
  • 2 - 5   
 Penso em areias douradas, céu azul, temperaturas elevadas q.b. enquanto lanço os números...

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

O mundo vai acabar...

...quando não se consegue um autógrafo ou uma fotografia, para partilhar com os amigos no feiças, ao lado de alguém sobejamente conhecido em todo o mundo e na Nazaré.

Sensação a quente

Depois de meio dia em formação com um objectivo bastante específico, sinto-me uma marioneta automatizada que sabe que irá puxar os cordéis de marionetas bem mais novas do que eu, numa situação que lhes foi imposta e que não lhes trará qualquer benefício durante este ano lectivo. Bem pelo contrário, vem mexer com a rotina de instituições e pessoas alheias à coisa, sem que receba qualquer contrapartida, de natureza variada. Burra! Mas tenho muita companhia, a julgar por hoje e amanhã. E alguma até foi obrigada sem ter mostrado vontade de...
E daqui a 20 minutos há mais.

domingo, 9 de fevereiro de 2014

Assumo publicamente

Não gosto de manteiga de amendoím. Nem do padrão tigresse, tão em moda.

Mas gosto disto:



quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Prometo que não falo mais no assunto aqui

"Amor é beijar a outra pessoa quando esta dorme, é sorrir quando a pessoa está ausente, é roçar o pé por baixo da mesa quando jantam em casa, é partir à aventura só porque sim, é escrever-lhe uma carta (das tradicionais) depois de anos e anos juntos... amor é ter um pequeno gesto com uma pessoa que nos é grande."

E agora uma história da minha vida adulta casada

Ainda casadinha de fresco, menos de um ano depois de um dos dias mais felizes da minha vida, o MQT sentiu-se na obrigação de limpar a parede e um lanço de escadas que, sem que fosse minha intenção, se sujaram com substâncias visualmente badalhocas e olfactivamente únicas,  expelidas da minha boca, resultado duma grande bebedeira ao jantar, em casa duns amigos. O que vale é que na manhã seguinte ninguém tinha planeado ir à praia.
Não me perguntem porque carga d'água me lembrei deste infeliz momento. Não sei o que despoletou tal memória agora.

terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

A minha chave do Euromilhões - rubrica semanal

  • 3 - 8 - 18 - 29 - 40
  • 2 - 5
 Mal saia e o carcanhol seja depositado na conta, volto a fazer compras numa loja cujo nome começa por L, tem 7 letras e acaba em "-or".

Vai uma aposta?

Amanhã um dos assuntos mais escritos e comentados online vai ser o dilúvio torrencial de hoje. E o outro vai ser o da não-venda de Miró. Vão ver...

(Números saem mais logo, sócios.)

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Foi-se o siso



Não é o meu, mas não é muito diferente, não. O meu está ali bem guardadinho, ainda com os sinais exteriores da infecção que me provocou, o maldito!

domingo, 2 de fevereiro de 2014

Irritações - XXX

Gostar de comer. Querer comer. Não conseguir comer. Maldito dente! Bendito Clonix!