quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Indecisões literárias

Após a habitual troca de presentes natalícios, não consegui, durante algumas horas, decidir o livro a ler:
se um antigo que mora nas minhas estantes, duma inglesa chamada Susanna Clarke;

se um da italiana e sobejamente na moda Elena Ferrante (seria estreia absoluta com esta autora) oferecido pela minha tia-madrinha;

se um dum já velho conhecido português residente na Holanda que ofereceram ao meu pai.


Um beijinho e um abraço a quem adivinhar qual foi a escolha óbvia...