quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Vocês ajudam, tá bem?

Da próxima vez que me meter numa alhada anunciada, destinada a fiasco, mas envolvendo despesas avultadas, pedirei aqui, neste mesmo tasco que vocês lêem, que colaborem com donativos monetários de modo a atenuar qualquer coisita (im)prevista. Se eu pedir gentilmente e com jeitinho, e partilhando o meu NIB, pode ser? Conto convosco. Quaisquer cinco euros de cada vez bastam.