quinta-feira, 16 de novembro de 2006

Dúvida numérica e pioneira

O meu telemóvel está estragado. Estou eu no bate-papo com alguém e de repente dá-lhe um treco e desliga-se. Isto acontece com demasiada frequência especialmente quando estou a namorar com o mais-que-tudo. E querem que haja comunicação no casamento! Nestas condições, como é que é possível tal?
Isto levou-me a pensar que se calhar preciso de um brinquedo novo para comunicar e manter intacta a minha relação matrimonial e as outras, com os amigos e as amigas.
Ou seja, eu passaria a pertencer àquela sempre-em-crescimento percentagem de pessoas proprietárias de dois ou mais telemóveis ostentados com orgulho sempre que saem de casa ou quando numa reunião os colocam lado a lado.
Isto tudo leva-me a pensar nos blogs. Conhecem alguém que não tenha um blog? Por acaso sim, mas não interessa para o meu raciocínio. Conhecem alguém que só tenha UM blog? Por acaso sim, mas também não interessa para a minha linha de pensamento. Quantas pessoas conhecem que têm mais do que um blog? E quantas pessoas conhecem que tenham mais do que um telemóvel?
A pergunta final é: em Portugal existem mais telemóveis por pessoa ou mais blogs por pessoa?
Vão ver que daqui a uns tempos será uma questão debatida por sociólogos, psicólogos, blogólogos e outros acabados em "-ogos".

Mulheres e Homens que me lêem...





...aprendam a usar em vosso benefício o que têm em casa!

E olhem que refiro-me a tudo, tudinho mesmo! Depois não se queixem que a balança não é vossa amiga!