domingo, 26 de junho de 2016

Um balanço sumário da mudança

Dez meses após ter mudado de casa e de área de residência, dentro da mesma cidade, continuo a apreciar as pequenas grandes diferenças que tornam a estadia neste lado da cidade bastante mais agradável do que o local onde habitei durante dezassete anos. Há um sentimento de bairro aqui que nunca cheguei a sentir do outro lado. Justifico-o com a menor densidade demográfica desta zona e a maior distância aos chamados centros urbanos e zonas comerciais. E mesmo assim, continuo a sentir-me perto de tudo o que é básico e necessário numa cidade pequena em franco crescimento. E também mais perto da auto-estrada, via que uso há mais de vinte anos com frequência quinzenal.