sexta-feira, 21 de agosto de 2015

A imagem que não esquecerei tão cedo

A água prateada do Atlântico, antes das dez da manhã, sob um céu azul limpo de nuvens, ladeada pelas arribas verdejantes e luxuriantes, a caminho duma praia lindíssima, talvez a mais linda que alguma vez vi durante toda a minha vida, onde jamais voltarei a pé. Ali bem perto de Sesimbra...