sexta-feira, 8 de abril de 2011

Tou derreada

Hoje já me perguntaram quantos quilómetros é que corri. Ora, se me conhecessem verdadeiramente, nem se tinham atrevido a colocar tal questão, pois já saberiam que eu detesto correr, sempre detestei correr e detestarei até ao final dos meus dias. E porquê? Por uma razão muito simples - abana tudo, mas tudo mesmo: mamas, bochechas da cara, bochechas do rabo, pneus ganhos à custa de ser uma "boa boca". E eu detesto sentir-me desconfortável, até porque gosto bastante deste corpinho, apesar de cuidar muito mal dele. Hei-de pagá-las um dia, mas ainda não será hoje.

Adiante...

Hoje marchei, marchei cerca de hora e meia. Para quem não está habituada a fazer a ponta dum corno, marchar debaixo deste sol e calor, acompanhada pelos gritos de miúdos excitados, divertidos e empenhados no andamento, ao som de bombos, foi dose. Mas divertido! Até o trânsito parou para deixar passar a malta....lindo!