sábado, 25 de abril de 2015

Há uns anos, na prisão

Há uns anos, eu escrevia aqui quase diariamente sobre a minha estadia e passagem no local mencionado no título. Inesperadamente deixei de o fazer, pois o confronto e as ameaças reais por parte de terceiros à rotina diária, minha e dos meus, venceram a minha vontade de continuar a relatar, com gozo, uma situação única na minha vida pessoal e profissional.
Lembrei-me disto hoje, a propósito da liberdade de escrita alcançada há algumas décadas, que, contudo, há menos de 10 anos, não me foi possível pôr em prática, pois o meu sentido de humor e ligeireza no tratamento das palavras foram confundidos com falta de respeito para com indivíduos e uma instituição.
O cinzentismo no seu auge, a condizer com o do local citado...