segunda-feira, 8 de julho de 2013

De como os meninos da rádio se divertem com coisas

Como ouvinte diária de rádio, apenas enquanto conduzo, rio-me às gargalhadas, canto e falo comigo própria, dentro do carro, enquanto oiço o Diogo Beja e a Joana Marques nas Manhãs da 3. 
Ora, eu sempre imaginei que os locutores de rádio teriam que ser uns pândegos, para cativarem a clientela e manter o interesse em altos níveis.
Vossas excelências reconhecerão, certamente, a cambada abaixo, a concorrência da Antena3.
Mas oiçam esta pérola do Quim Barreiros, adaptada à novela política da semana passada, vejam o video e digam lá se não é uma profissão invejável! Atentem na letra, tão boa ou melhor do que a versão do senhor Joaquim Barreiros. Apetece mesmo fazer o comboiinho, não apetece?



Ao ridículo que se chega

Abrir a porta do frigorífico, de vez em quando, para sentir um arzinho fresco. E colocar uma toalha encharcada na cadeira de trabalho, de modo a sentir o rabiosque e as coxas frias e gotinhas de água a cairem nos pés. Ah maravilha!