quinta-feira, 18 de outubro de 2012

É verdade!

Nada como dar quatro de seguida para se saber que mais tarde adormece-se cedo e dorme-se que nem uma pedra. Ah maravilha!