domingo, 19 de fevereiro de 2017

O meu acompanhante

Acompanhou-me durante 24 horas consecutivas, bem contadinhas. Bem juntinho do meu corpo, da minha pele, do meu coração. Abraçou-me, enlaçou-me e avisou-me. Não me abandonou enquanto dormia, não fez birras, não se desligou de mim. E contudo, eu achei-o um grande incómodo! Amanhã devolvo-o a quem de direito!