domingo, 26 de maio de 2013

Os tomates da sogra

A minha sogra tem muitos tomates na horta dela. Normalmente, são dela os que comemos no verão, nas saladas, e os que usamos para cozinhar. Sim, uso o verbo no plural porque eu não sou a única pessoa a cozinhar, tarefa que faço por obrigação. O Mqt fá-lo por gosto, quando está p'raí virado e sai sempre bem. Adiante...
Hoje fui eu que cozinhei o almoço e cozinhei isto: favas estouradas com carne de porco, cozinhado em lume brando durante pouco mais de 2 horas.
 
Não sendo a fotografia a do nosso almoço, este não ficou muito diferente do prato da foto. E sim, as favas são (foram) as da minha sogra. Estavam uma delícia, modéstia à parte! E ela veio atrás. E veio muito bem! 
-E os tomates da sogra? - perguntam vocês. 
-Estão a amadurecer. - respondo eu. - Dou-lhes mais um mesito, talvez...