terça-feira, 4 de junho de 2013

Um aviso e um pedido

Vou abrir a caixa de comentários. Acabou-se a censura. Não me responsabilizo pela porcaria porca que pessoas porcas e mal educadas possam escrever. As pessoas bem educadas e limpinhas podem bater nos outros, dar-lhes de rijo, forte e feio até que os outros se fartem da própria porcaria. Os educados, unidos, jamais serão ignorados!

E agora um assunto sério

Eu ando um bocado lixada da vida. Todos os dias digo para mim mesma: "Pseudo Maria, é hoje". Mas passam-se as horas e o dia vai correndo e os afazeres são tantos e as distracções pouco menos que aqueles, que só quando chego ao final do dia é que me lembro da resolução matinal diária, que mais uma vez ficou por concretizar. E depois irrita-me profundamente esta inconstante característica: hoje faz sol, amanhã chove, no dia a seguir vai estar frio, eu calço botas, depois mudo para sabrinas, e volto às botas e em casa já ando de havaianas ou de pé rapado e olho para baixo e aflijo-me.
Mas quando é que vai estar tempo bom, daquele bom, bom, mesmo bom, para marcar pedicure, e depois mostrar as unhas giras dos pés a condizer com as das mãos?

Dos pic-nics, suas variantes e o tempo no próximo domingo

Um destes dias, estava eu na conversa com alguém a quem disse que havia um pic-nic agendado para o próximo domingo à tarde. Ali e naquele momento a pessoa faz logo um filme do caneco e dá-me a sua versão de pic-nic. Não, não envolve sexo bucólico. Ou melhor, se envolve, a pessoa nem sequer mencionou essa parte. Mas se calhar até envolve. Bem, adiante...Envolve, sim, uma caminhada longa e fatigante, interrompida por uma refeição para retemperar forças.
Ora, a minha versão dum pic-nic tem muito pouco, ou mesmo nada, a ver com a versão dessa pessoa. Para mim, um pic-nic é pura e simplesmente uma refeição que se faz ao ar livre, composta por alimentos confeccionados em casa, trazidos de casa. Os alimentos são transportados para fora de casa e a mesa é colocada no chão ou numa pedra ou num local que já exista para esse efeito. Mesa essa que deve ser decorada com uma toalha aos quadrados, de preferência vermelha e branca, mas não obrigatoriamente destas cores ou com este padrão. O sítio do pic-nic pode distar quilometros da residência, ou não; pode ficar a metros da residência habitual. O que interessa, a meu ver, é que a refeição seja fora de casa, numa zona com vegetação, com alimentos transportados, em boa companhia e se possível sem formigas.
Já a eventual caminhada é recomendada após a refeição. Agora dizerem-me que um pic-nic é o prémio duma caminhada que se faz após a pessoa levantar-se cedo ...não tem nada a ver.
E espero que os meteorologistas estejam errados quando ao tempo do próximo domingo.

Segredos - XXV

Eu sei coisas acerca de mim própria que mais ninguém sabe. Isto sim, é um verdadeiro segredo!