quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

O mata-moscas e a amiga



Mata-moscas: Ai se eu te pego!

Mosca: Assim você me mata!

Futurologia

Ainda está para chegar o dia em que eu, como boa boca que sou, me babe toda por umas papas de sarrabulho à moda do Minho. Só o aspecto e o cheiro são suficientes para me manter a milhas! Não sei como há gente que gosta disto, a sério! Há muitas iguarias minhotas que adoro, mas esta não é uma delas.


(roubei a foto daqui)

E agora uma história da minha infância

É curta.
Quando regressava a pé da escola secundária, a caminho de casa na aldeia, vi algumas pilas a abanarem no meio dos campos de milho. Anexas, havia sempre uma mãozinha e uns assobios matreiros.