quinta-feira, 14 de junho de 2012

O que não vale a liberdade

É agora que vou concretizar um desejo secreto: ajabardar a obra de alguém conhecido, com o seu conhecimento e permissão!