segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

E, se num impulso, seguisses um blog que nunca viste mais interessante?

Pois, foi o que acabei de fazer. Se X e Y e Z o seguem é porque tem que ser bom, certo? Certo!

Quantas vezes as nossas reacções não resultam de pré-acções deste género e mais cedo ou mais tarde nos desiludimos com a nossa decisão? A ver vamos...Felizmente não tenho muitas nem muitas de que me queixar...