quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Estou chateada, pois claro que estou

Já estou saturada de, numa certa superfície comercial, ver o mesmo papel de embrulho, alusivo à próxima época festiva, há imensos anos: ou vermelho ou dourado, assim com uns desenhos fatelas.
Mas será que ninguém naquela empresa tem criatividade suficiente para criar algo diferente, que não inclua uma fêmea bamboleante que já cansa a vista?