sábado, 30 de março de 2013

Só porque ouvi os sinos a tocar agora mesmo

Tocam os sinos 
Na torre da igreja
Vão os pequeninos
Com a bandeja

Missenses da noite
Rezam a quem gostam
Depois dos açoites
À parede encostam

Lavam-se os pés
Benzem-se as vestes
Procuram-se os canapés
Na mesa sempre prestes

Amanhã há corropio
Amêndoas ao bolso
Não haverá fastio
Nem reembolso.

(E pronto, foi isto que saiu de rajada.)


E ainda só é meio-dia e meio e já fui à regueifa. De madrugada! Pronto, e também me convidaram para a festa do pau, que consiste em trepar um pau amanteigado. Mas aquilo escorrega imenso!

Podiam-me ter dito que logo à noite vou dormir menos uma hora! Tinha-me levantado hoje uma hora mais tarde, não era? Maus feitios, todos vocês!