quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Disparate da hora de almoço

Entrar numa passadeira rolante que se mexia no sentido contrário ao que eu pretendia, caminhar para a frente quando a passadeira vinha para trás, dar conta da parvoíce só quando estava para sair, tropeçar e saltar para a frente* e escangalhar-me a rir, sozinha, em pleno centro comercial. Uma pessoa viu-me nestas andanças e eu senti-me a corar enquanto me ria ...

*(tenho por hábito andar nas passadeiras rolantes mesmo quando estas estão em movimento, para a frente)

Água por sangue

A minha maravilhosa casa de chá nas Salgadeiras foi convertida numa loja de hambúrgueres??




Pshiuuu, tenho que experimentar...

Das piores coisinhas que me podem acontecer

Alguém interromper o meu café da manhã para vir tomar o seu café comigo...

Momento de mim para mim, sim?