quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Dúvida doméstica

Qual a primeira coisa a embrulhar ou empacotar quando se muda de casa? É que eu não sei por onde começar!

13 comentários:

Ness disse...

A primeira coisa é a que estiver mais próxima. Tens que levar tudo, por isso é indiferente qual seja e quanto mais a direito for a operação mais rápido se faz :)

Susana Rodrigues disse...

Querida Homónima, eu comecei por empacotar primeiro a última coisa de que vou precisar. Exemplo: livros (excepto os que estão a "uso"), loiças das que se usam só em jantares especiais, jarras e outros objectos que andam por cima dos móveis, molduras, quadros, etc; de seguida a roupa da outra estação e roupa de casa, terminando no conteúdo do frigorífico, que é a última coisa). Espero ter ajudado um bocadinho. :-) Boa mudança.

A Chata disse...

Tudo o que não vás precisar enquanto não mudares de casa ;)

Marisa Maria disse...

Nunca mudei de casa, mas talvez é melhor começares pelo que não irás precisar e depois passar para o que te usares menos

Anónimo disse...

Já mudei tantas vezes, e sempre sem qualquer método, que não sei aconselhar. É tentar um artigo que não dê muito trabalho para evitar a desmotivação súbita.

agri disse...

Quando o fiz, foi divisão a divisão...

Mg disse...

Uiiiiii... Não te metas nisso..

Pseudo disse...

Ness, Susana, Sócia, M&M, desabafos e agri, obrigada pelas dicas.
Comecei pelos livros, os que não se relacionam com trabalho.
Embalei mais do que estava a contar, pois consegui(mos) chegar aos vidros e cristais que é o que me preocupava mais.

MG, já me meti.
Um destes dias lembrei-me de ti, mas não te digo porquê. :)

Eros disse...

A artilharia de apetrechos sexuais.
O resto, que decidam os homens da empresa contratada para me facultar uma mudança sem massacrar a coluna... ;)

Pseudo disse...

Eros, da próxima vez que começar a mudar (agora já não dá para começar, pois já comecei...), não me esquecerei da tua sugestão. :)

Mg disse...

Um dia destes? Devia ser todos os dias! Assim, sim.
Não digas..

AC disse...

Já mudei de casa umas 8 vezes. Tenho uma técnica apurada. primeiro livros, tralha (bibelots) louças e roupas fora da estação... tudo empacotado em caixotes e etiquetado com os conteúdos e largado na respectiva divisão para onde vão ficar. Comigo vai o portátil, objectos frágeis que preciso assegurar-me que chegam mesmo inteiros, e roupa em cabides que não empacoto e chego lá é só pendurar.

Na ultima mudança que fiz, numa tarde empacotei tudo, quando chegou a carrinha das mudanças às 7 da tarde carregou tudo e descarregou na casa nova. Nessa noite arrumei metade da tralha, no outro dia acabei o resto e em dois dias já estava capaz de mudar de novo...

O truque é já teres a casa limpa e prontinha a ser arrumada.Caixotes despejados nas divisões aonde pertencem. Escritório e sala guarda para o fim.

Bom trabalho. :)))

Pseudo disse...

AC, acho que fizemos tudo ao contrário do que aqui sugeriste, que me parece muito bem, digo-te já. Mas vamos aprendendo e para a próxima já dará menos trabalho. Como somos 3, uma tarde nunca daria para empacotar e transportar tudo.
Já se dorme, já se come, já se cozinha...só que não temos água quente prós banhos, ainda vamos tomá-los à casa antiga...haha (tem sido uma dinâmica engraçada. :))