quinta-feira, 18 de julho de 2013

O toque do meu telelé. Ainda não me fartei.



35 comentários:

  1. O meu está sempre que possível no silêncio. Evito utilizá-lo.

    R.

    ResponderEliminar
  2. Olha, o meu é Piratas das Caraíbas e ainda não me fartei...

    Bom dia sô psôra! :))

    ResponderEliminar
  3. Bom dia, crianças grandes :)
    R., atendes quando te ligam, certo? :)
    Leão, um bom pirata me saíste tu :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A maior parte das vezes não oiço sequer. Só o tenho porque é da empresa. Por mim estava na gaveta.

      R.

      Eliminar
    2. São dependências (criadas por nós) de que nos vamos fartando.

      R.

      Eliminar
    3. Não posso deixar de concordar contigo, bicho-do-mato sensato :)

      Eliminar

  4. Bom dia...

    Ai esta nossa alma celta... adoro!!!

    :))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bizinha, biba! :)
      De vez em quando vem ao de cima e há razões para isso :)

      Eliminar
    2. Experiência de vida inesquecível :)

      Eliminar

    3. As nossas memórias são sempre uma espécie de herança!

      Eliminar
  5. Muito bem, R.
    Como dizia uma minha colega telefonista,
    "Ao telefone não se fode, marcam-se fodas!"

    eheheh

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh santa engrácia! Leão badalhoco!

      Por falar nisso, um destes dias vamos todos dissertar sobre "sexo badalhoco", aqui, ok? :)

      Eliminar
    2. NÃO CONTES COMIGO!!!!
      Pensas que eu sou o quê?????

      palavradonrra!

      Eliminar
    3. Queres levar????
      Vê lá, vê!!!!
      Ai o camândrio da miúda... :P

      Eliminar
    4. Olha keu engasgo-me!

      Eliminar
    5. De raiva?

      (xiiii, já espuma p'la boca... isso é sintoma de epilepsia, cuidado!)

      Eliminar
    6. ahahahahahahahah

      atacadores e discos de embraiagem...bommmmm

      Eliminar
    7. és mesmo parolo, tu

      Eliminar
    8. Linguagem da tropa, pá!
      De gajo, de cabra macho! como o Telmo, pá!

      E vai chamar parolo ao Bom Jesus, tá bem?????? :P

      Eliminar
    9. Quem raio é o Telmo, porra?? Posso ser cabra, mas de macho não tenho nada, porra porrinha!

      Tá bem...e a ti tb, mas só de vez em qd, ok? :)

      Eliminar

    10. Ó , deixa lá estar o Bom Jesus quieto sim? Estava era lá agora melhor do que aqui... pois aquelas fresquinhas a esta hora são deliciosas!

      :P

      Eliminar
    11. Oh mlher... tu na sabes quem é o Telmo...?
      Do BB1...
      Isso é falta de cultura geral! :)))

      Eliminar
    12. Bom, parece que vou ter que fazer um desenho:
      Na tropa, chama-se atacadores ao esparguete
      e discos de embraiagem aos hamburgers, daí linguagem da tropa!
      O Telmo é um rapazinho que concorreu aí a um desses programas big brother e que utilizava este chavão recorrentemente. "É como na tropa!"

      E nem de vez em quando! que eu dou cabo de ti!!!!!!!! :P

      Eliminar
    13. Linguagem de estivador?

      R.

      Eliminar
    14. Afrodite, fresquinhas supõe-se que sejam sombras, certo? :)))

      Não vá a gente pensar que são as espanholas do R. e aí a coisa muda de figura...

      eheheh

      Eliminar

    15. Certíssimo!! Sombras, claro! :)

      Eliminar
  6. Alguém falou em sexo badalhoco? Mas existe outro? Gostaria de ser elucidado...

    ResponderEliminar
  7. Eu também não me cansava... das três maninhas Corrs.
    :))))

    ResponderEliminar
  8. Zezinho, são as 3 bem giras, são. Fosse eu gaijo e colava um poster sem o mano no tecto do meu quarto :P

    Mano, eu cá acho que não existe sexo badalhoco, mas sempre diferimos em tanata coisa que esta não seria diferente. Sai dissertação multi-autoral brevemente :)

    Ah, o Telmo é outro parolo trengo. Lembro-me dele, sim senhora :)

    R. isso é assunto ali do leão :)

    ResponderEliminar

Olha, apetece-me moderar outra vez! Rais' partam lá isto!

P.S.: Não sou responsável por aquelas letrinhas e números enfadonhos que pedem aos robots que cá vêem ler-nos.