terça-feira, 15 de março de 2016

Das formiguinhas em caixotes urbanos

Mudámos para aqui há 6 meses, mais dia, menos dia, e, à excepção dos elementos da família cigana e da família da frente, eu ainda não consigo identificar a vizinhança que mora por cima e a que mora por baixo. Mas oiço-os! Todos os dias! E muito bem!

4 comentários:

  1. É porque vives numa zona sossegada :)

    Desde há alguns anos que os prédios precisam de um projeto acústico, para evitar certas incomodidades, ninguém gosta de saber o que faz o vizinho enquanto trata do corpo ou da alma :) Falta saber se houve projeto e o que sucedeu a seguir :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Efectivamente, Ness, esta zona é sossegada. Nada a ver com a zona anterior e no que ela se tornou. :)

      Quanto a esse projecto, duvido que tenha sido aplicado aqui, a julgar por aquilo que oiço. :) assim por alto, direi que esta zona terá uns 10 anos de existência?? Não sei ao certo.

      Eliminar
  2. No truca-truca, sócia???
    Manganos dos vizinhos. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo, os vizinhos a tomar banho, uma bola a saltitar, as canalizações, os tachos a serem arrumados e penso que sejam molas de colchão durante o truca-truca....e sei lá que mais. Acho que aquilo do projecto que o Ness mencionou não foi aqui aplicado.
      Ou se calhar eu tenho ouvidos de tísica. :P

      Eliminar

Olha, apetece-me moderar outra vez! Rais' partam lá isto!

P.S.: Não sou responsável por aquelas letrinhas e números enfadonhos que pedem aos robots que cá vêem ler-nos.