domingo, 13 de dezembro de 2015

Um grosso nevoeiro

Capaz de afastar das estradas nortenhas transmontanas os condutores mais sensatos. Podíamos ter escolhido fim-de-semana meteorológico pior do que este? Se calhar, até podíamos, pois ainda não começou a nevar. Nem deu para apreciar devidamente os montes!
De resto, as encomendas vieram todas!

6 comentários:

  1. Andarás tu pela minha terra de origem???? Nevoeiro...transmontana..

    ResponderEliminar
  2. Maria, o nosso destino, onde estivemos menos de 24 h, situa-se entre Mogadouro e Miranda do Douro, +/- equidistante. Qual é a tua terra de origem?

    ResponderEliminar
  3. Para uma posta regada com um tinto encorpado, à lareira, deve ter estado o tempo ideal :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ness, nem eu bebi tinto encorpado nem havia lareira acesa. :)Mas lá que pedia esta última, pedia!

      Eliminar
  4. não gosto nada nada de conduzir com nevoeiro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Diana! :)

      Já somos duas. Felizmente, eu não tive necessidade de conduzir, mas mesmo estando ao lado do "condutor", senti-me algo amedrontada. :)

      Eliminar

Olha, apetece-me moderar outra vez! Rais' partam lá isto!

P.S.: Não sou responsável por aquelas letrinhas e números enfadonhos que pedem aos robots que cá vêem ler-nos.