quinta-feira, 7 de maio de 2015

Da vizinhança ou mais uma verdade "à la Palisse"

6 portas medeiam a deste prédio e a porta da vizinha, minha colega de trabalho na mesma escola. Sem qualquer premeditação, estacionámos os carros perto da porta dela, saímos deles com a tralha que nos acompanha diariamente e por ali ficámos mais de hora e meia à conversa. Vimos o céu mesclado de azul e cinzento a passar de algo nublado para bastante carregado de nuvens, resultando num dilúvio que só não nos atingiu porque a entrada do prédio dela estava ali mesmo à mão. 
Resultado: hoje mandei vir o jantar. E soube-nos bem, o jantar e a conversa. É que a bem dizer, conversar com uma colega de trabalho fora do ambiente profissional é bastante diferente. Amanhã saberei se o jantar dela foi tão saboroso quanto o nosso.

2 comentários:

  1. Eu trabalho lado a lado com a minha melhor amiga, e por vezes so depois da hora de saída é que conseguimos conversar um bocadinho. Pelo menos isso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. MVPV, foi algo assim que eu senti, foi :)

      Eliminar

Olha, apetece-me moderar outra vez! Rais' partam lá isto!

P.S.: Não sou responsável por aquelas letrinhas e números enfadonhos que pedem aos robots que cá vêem ler-nos.