sábado, 21 de junho de 2014

Voltámos aos policiais suecos lidos num ápice

Um misto de conforto caseiro e familar com morbidez e segredos partilhados, num equilíbrio perfeito capaz de me manter acordada até às tantas. Gosto. Venha o próximo!

17 comentários:

  1. Vou experimentar. Ando a precisar de livros assim.
    Gracias pela dica!
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mammy, os policiais desta autora são hipnotizadores; pelo menos comigo, funcionam assim. Convém, talvez, começares pelo primeiro dela, ("A Princesa de Gelo") pois há personagens comuns aos 6 livros publicados em Portugal, cuja história e relação apresentam uma continuidade temporal.

      Boas leituras. :)

      Eliminar
    2. Obrigada. Vou seguir o conselho. :)
      Bjs

      Eliminar
  2. Eu não aprecio policiais.Acho que tenho que aprender a gostar...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ora, Til! A cada um os seus gostos. O que aprecias tu, diz lá...?

      Eliminar
  3. Oh amiga, vou já a correr comprar...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha, vai a correr a uma biblioteca, masé...agora comprar :P

      Eliminar
    2. Tu é que tens razão!

      Eliminar
    3. Ou então troca; eu já fiz isso e da primeira vez não correu mal, com o Pulha Garcia. É preciso é haver confiança para dar moradas ou apartados. :)

      Eliminar
    4. Fui à feira do livro e lembrei-me de ti. Comprei! Dois!

      Eliminar
    5. Depois diz se gostaste. Ando a precisar de ter tempo para leituras do género, assim de enfiada...:)

      Eliminar
  4. Os suecos escrevem todos da emsma forma; parece epidemia, e estão na moda. Há muitos, bons é que há muitoooooo poucos! :)

    AA

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. AA, como só li dois escritores suecos - o Stieg e a Camilla - não posso ajuizar desse modo em relação a todos, nem sequer se estão na moda. Estes acho-os bons, mais ele do que ela, mas folgo em saber que tens mais tempo para ler mais autores suecos do que eu :)

      Eliminar
    2. Se queres mesmo que te diga, para mim só mesmo o Larsson.
      E vou lendo...

      Eliminar
    3. Anónimo, se não se identifica convenientemente, começo a tratá-lo como aos outros anónimos. E eu num quero, tá bem? :P

      Eliminar
    4. Imensas desculpas ao quadrado!
      A2 :))

      Eliminar
    5. Tásaki tás ápanhar, sabes??

      Eliminar

Olha, apetece-me moderar outra vez! Rais' partam lá isto!

P.S.: Não sou responsável por aquelas letrinhas e números enfadonhos que pedem aos robots que cá vêem ler-nos.