quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Por falar em paciência...

...ainda ninguém se lembrou de começar a fazer negócio com ela, ou a taxar quem tivesse mais dela. Hmmm...ora aqui está um bom nicho de lucro para os nossos governantes espoliadores.

8 comentários:

  1. Aqui deverá ser ao contrário. Se o governo taxar quem tiver mais paciência, então mais vale ir já para as ruas de cartaz na mão :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "mais vale ir já.."....Mas então já não se foi muitas vezes, nos últimos anos? Eu pensei que sim. :) E a paciência continua a existir, entre os que foram e os que não foram :P

      Eliminar
  2. Sim, eu tenho tido paciência. Mas se essa paciência vier a ser taxada, então pinto já a bandeira :)

    ResponderEliminar
  3. Quem me dera que a pintasses já, já :P

    ResponderEliminar
  4. Eu ainda acredito que vivemos o menor dos males. Não sou funcionário público, é verdade :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Vivemos" quem? Falas em nome de alguém que recebe 601 euros / mês? :)

      Eliminar
  5. Falo em meu nome, mas se não houver cabecinha os cortes serão bem maiores do que até agora. Ou acreditas que os ricos pagarão alguma vez alguma coisa?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hmm, quais ricos? O do BES? Talvez, talvez...:P
      Se não houver cabecinha por parte de quem? De quem quer tirar mais aos que já pouco têm? Só se for...

      Eliminar

Olha, apetece-me moderar outra vez! Rais' partam lá isto!

P.S.: Não sou responsável por aquelas letrinhas e números enfadonhos que pedem aos robots que cá vêem ler-nos.