segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Sim, é verdade, esta pergunta não é inocente. Traz água no bico.

Que livro é que vossas excelências me ofereceriam, se pudessem e vos apetecesse?

55 comentários:

  1. Acho que um dos meus livros preferidos, A Sombra do Vento. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. teardrop, espreitei e gostei da sinopse. Obgd pela sugestão :)

      Eliminar
  2. Cozinha d'Amigos, do Miguel Sousa Tavares ;)

    Boa noite, Pseudo :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. xilre, essa seria uma prenda que eu trocaria logo! É que nem duvides! :)

      Eliminar
    2. Olha que na "bula" do livro se diz que: "Reflecte também o gosto e a filosofia de alguém que se habituou a "trabalhar" (como dizem os cozinheiros) com aquilo que Portugal tem de melhor e, às vezes, único: o peixe e o marisco, a caça e o porco, as ervas, o azeite, as batatas - e a não complicar. Neste sentido, é também um livro sobre a superioridade da cozinha natural, simples e de amigos, em relação à cozinha de autor, à "Nouvelle Cuisine" e ao "show-off" a ela associado."
      Isto parece-se com o que julgo serem os teus gostos :) Não sei porquê, não te vejo no ramo da "Nouvelle Cuisine", mas se assim for, posso tentar encontrar algo do Ferran Adriá :)

      Boa noite, Pseudo :)

      Eliminar
    3. Xilre, nisso tens razão. Aquelas mariquices todas de molhinhos e folhinhas disto e daquilo não são para mim. Mas olha, se ainda não sabes, ficas desde já a saber que eu DETESTO cozinhar e não me coíbo de dizer isto. Cozinho, porque tenho de o fazer. A bolsa não dá para jantar fora todos os dias. :)

      Eliminar
  3. :)
    Por norma, não conhecendo os hábitos de leitura da pessoa a quem ofereço um livro, começo por lhe oferecer um género de que goste (é sempre bom trazer gente para a nossa "causa", pelo menos haverá tema de discussão).
    Assim sendo, talvez um policial nórdico, desses autores agora na moda e que são excelentes (adoro policiais, se tivesse duas, oferecia-te a minha "Colecção Vampiro", completa, só com primeiras edições).
    Mas assim, de repente, oferecia-te "A Raínha Sol", de Christian Jacq, que daquilo que "conheço" de ti, me parece adequar-se.
    Também, como bónus, "Morte aos Feios" do meu autor fetiche, Boris Vian...
    Boas leituras!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Leão, seriam bem recebidos, ambos. :)

      Eliminar
  4. Oferecia-te o Resgate no Tempo do Michael Crichton, um livro que já foi traduzido em argumento para um filme, mas que lido é muito, muito mais do que aparece na tela. Adorei.. recomendo. Uma história brilhante que mistura física nuclear, e história medieval e acaba numa envolvente e maravilhosa história de amor.

    Eu gostei...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ac, respeito muito os teus gostos e vinda de ti, será certamente uma sugestão a ter em conta, numa futura compra!

      Eliminar
  5. Correndo o risco de nela me cortar, "O fio da navalha", de Somerset Maugham. Atendendo à destinatária, em versão original :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ness, já sabes o que me oferecer no Natal. Trouxeste-o das férias, foi? :P

      Eliminar
    2. Esse faz parte dos meus livros de culto há décadas. Agora que relembraste o gosto pela descoberta de novos lugares, é um livro que te fará sonhar alto :P

      Dá tempo para o procurar :)

      Eliminar
  6. Respostas
    1. POC, ainda ontem falámos nele! É um must em qualquer biblioteca pessoal.
      Tu sabes quem é ele?

      Eliminar
    2. Não, eu não sei. E vais dizer-me? Usa o mail, se tiveres o meu. Não me lembro se já te mandei fotos sugestivas ou não...:P

      Eliminar
    3. Não tenho. Há quem faça promessas e não cumpra.
      simaoescuta@gmail.com

      Eliminar
    4. Ui, disso está o mundo cheio! :)

      Eliminar
  7. Respostas
    1. Mirone, penso que o li quando era pequenita. É daqueles livros que sabe tão bem re-ler!

      Eliminar
    2. Releitura quase anual. Este ano ainda não o li. Vou tirá-lo da estante para ganhar vez.

      Eliminar
    3. Mirone, também empilhas livros na mesinha de cabeceira, a apanhar pó, como alguém que eu cá conheço bem? :)

      Eliminar
    4. Empilhadora compulsiva... mas tento dar-lhes avanço antes de apanharem muito pó. Normalmente não acumulo mais que 4 ou 5 livros.

      Eliminar
  8. livro de cheques. com muito cabelo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. N, seria muito bem vindo e eu dar-lhe-ia excelente uso!

      Eliminar
  9. Um livro de reclamações para te poderes queixar de tudo, incluido os comentários palermas de anónimos...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo, felizmente, as entradas não seriam diárias. Mas é bem visto, sim senhor!

      Eliminar
  10. http://www.tvi.iol.pt/videos/13298663

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo, seja simpático/a e sugira algo pessoal, em vez de me remeter para o hiper Professor :) Isto se não o fizer perder muito do seu tempo, que isto de comentar blogs não é para todos.

      Eliminar
    2. Ok, Stora. Então aqui vai:

      Déste viver aqui neste papel descripto
      Cartas da Guerra de António Lobo Antunes.

      E se quiser reviver a adolescência e for coração de manteiga:

      A Ponte para a Eternidade
      Richard Bach

      Valeu?
      Pouso em sua mãos o mais delicado, elegante e respeitoso beijo.

      O vizinho "Punhos de Renda"

      Eliminar
    3. Valeu sim, cara!
      Obrigadão!:)

      (Não percebi a última referência)

      Eliminar
  11. Como não te conheço, somente daqui de ler o teu Blog e de te comentar... talvez o código do IRS, embrulhado e selado para puderes trocar, caso já tenhas !!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ricardo, e poderia usá-lo para equilibrar móveis? :P

      Eliminar
    2. Excelente, assim fica fechado e não pensas em impostos ! :))

      Eliminar
    3. O que não evita que não tenha que pagá-los. :)

      Eliminar
  12. Podes sempre Pseudopagá-los !!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. No que toca a finanças e compromissos fiscais, não costumo evadir-me nem usar subterfúgios. Só aqui. :)

      Eliminar
  13. Quem é colectado está lixado !
    Rima e é verdade.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É, a invisibilidade não é possível hoje em dia.

      Eliminar
  14. Eu não quero fugir a eles, gostava é que todos os pagassem equitativamente e relativamente aquilo que ganham, para que a sociedade portuguesa fosse mais justa e para que os portugueses honestos conseguissem ser felizes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ricardo, gostava toda a gente. Mas o que prevalece é a desonestidade e a mesquinhice.

      Eliminar
  15. Qualquer das edições de livros do Calvin&Hobbes.

    R.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. R., estás à vontade para me pedir uma morada :P

      Eliminar
  16. Não sou de fazer publicidade ao meu tasco, mas oferecia um clássico: http://porquehojemeapetece.blogspot.pt/2013/04/este-blog-para-nao-ficar-atras-de.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. MG, então oferece! :)

      Eliminar
    2. Não te importas que já tenha algumas folhas coladas? :)

      Eliminar
    3. Porque é que haveria de me importar? Não tenho intenções de as descolar, ora!

      Eliminar
  17. Num patamar muito alto, oferecia-lhe "A Rapariga que Roubava Livros" de Markus Zusak e "A Condessa" de Rebecca Johns.
    Num patamar muito baixo, ou melhor; nas fundações dele; oferecia-lhe os meus.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. OCorvo, quando quiser, é só pedir a morada :P

      Eliminar
    2. Com todo o prazer e simpatia. Mas quais? Os que sugeri ou os meus? Ou todos?
      Sinta-se absolutamente à vontade.
      Peço então o seu contacto. Queira por favor contactar-me para este e-mail, que obviamente não é o meu oficial, mas que lhe responderei com o verdadeiro.

      ali-gator@sapo.pt

      Eliminar
    3. OCorvo, podemos começar pelo patamar elevado e A Rapariga...Que tal?

      Eliminar
    4. Não! primeiro os meus que assim se tiver a desgraça de dizer que não gostou, os outros já eram.
      Ah pois :)

      Eliminar
    5. OCorvo, como queira. :)

      Eliminar

Olha, apetece-me moderar outra vez! Rais' partam lá isto!

P.S.: Não sou responsável por aquelas letrinhas e números enfadonhos que pedem aos robots que cá vêem ler-nos.