segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Eu ainda não vi a Gabriela

E tu?
Mas já a ouvi, pois os vizinhos fazem questão de dar a conhecer ao prédio o som do genérico.

6 comentários:

  1. Não vi nem vou ver e irrita-me solenemente a mania que uma ou duas colegas minhas têm de ver e relatar isso, uma delas contrapondo incessantemente à versão da Sónia Braga.

    Isto porque:

    - A história é uma trampa mais do que batida nos dias de hoje.

    - A Juliana Paes é feia. O pessoal tem de perder a mania de idolatrar quem quer que seja só porque já apareceu nua 1.001 vezes. Mamas e cus há muitos.

    - A história já toda a gente da minha geração a conhece e, por mais novos q fossemos na altura, os actores de então eram absolutamente fantásticos (excepção feita à sempre canastrona Sónia Braga), os de agora têm os rostos e tiques das últimas dez novelas em que participaram e de que nos serviram três ao dia nos últimos meses.

    - E mais qqqer coisa que me irrrita sobre nosttalgia e issso de tal maneira que jáa tpu a rrepetir letrass sem querer.

    Em resumo, qu se f a gabriela e toda a para-adoração que andam a fazer dessa trampa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Desculpa, passei-me :-)

      Não pretendi ofender ninguém... à excepção da Sonia Braga e Juliana Paes... e as minhas colegas... e as pessoas que gostam daquilo... e..., bem n te quis ofender a ti :-)

      Eliminar
    2. Ora essa, a mim não me ofendeste. Simplesmente, o que mais se pode dizer quando alguém até tem razão em quase todos os pontos, exceptuando o da Juliana ser feia? "Tá bem" pareceu-me bem :)
      Além do mais, aqui tens sempre direito de antena, como sabes...e sei que é recíproco....como alguém já disse...."mi casa es tu casa".....foda-se, até parece que precisamos de estar p'ráqui com salamaleques!

      Eliminar
  2. Também não vi e não faço questão.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Noa, começamos a ser um grande grupo grande. :)

      Eliminar

Olha, apetece-me moderar outra vez! Rais' partam lá isto!

P.S.: Não sou responsável por aquelas letrinhas e números enfadonhos que pedem aos robots que cá vêem ler-nos.