terça-feira, 3 de abril de 2012

1111 - Adivinha literária

Tem quatro na capa, os mesmos na lombada,
De autor chileno, já falecido,
Que não deixou obra inacabada.
Sei que não darei o meu tempo por perdido.

7 comentários:

  1. É que estou mesmo a ver quem é. E já que falas nisso... ainda está por acabar. Vou ver se trato dele, o sacana do Roberto.

    ResponderEliminar
  2. Roque, pois eu espero que me roube horas e horas nos próximos dias e espero terminá-lo nos próximos 30 dias. Foi fácil, não foi? :)

    ResponderEliminar
  3. 30 dias é uma boa meta. Já vou muito para além disso... Boa sorte :)

    ResponderEliminar
  4. Tem que ser: é o prazo de empréstimo da Biblioteca cá do burgo. :) Se me entusiasmar, sou menina para o devorar num ápice. E acredita que ando a ansiar por um assim desde o verão passado. :)

    ResponderEliminar
  5. Tenho pena de já não sentir essa voracidade por ler livros como tu tens. Já tive... mas perdi-a.

    Boas leituras (mesmo que com isso estejas mais ausente do nosso convívio).

    ResponderEliminar
  6. Desta vez não arrisco. Mas até me apetecia umas bolachinhas...

    ResponderEliminar
  7. Orquídea, eu tive-a, depois adormeceu durante alguns anos e agora sinto-a novamente. :)
    (Uma coisa não substitui a outra. :)

    Tio, chama-se "2666", de Roberto Bolaño.
    Quanto às bolachas, 'bora lá!

    ResponderEliminar

Olha, apetece-me moderar outra vez! Rais' partam lá isto!

P.S.: Não sou responsável por aquelas letrinhas e números enfadonhos que pedem aos robots que cá vêem ler-nos.