sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Conclusão à vista

Neste tasco, o número de comentários é directamente proporcional ao grau de disparates e banalidades escritas. Seriedade não é mesmo convosco (salvo raras excepções :P). Nem comigo, acrescento eu antes que algum de vós se lembre de tal.

6 comentários:

  1. Querida Pseudo, tu és desconcertante! O que não é obrigatoriamente uma coisa negativa! Que fique bem esclarecido! ;)

    ResponderEliminar
  2. E desde quando é que um disparate ou uma banalidade não podem ser uma lufada de ar fresco?

    (Foi, alumbrei-me :P)

    ResponderEliminar
  3. Mi gusta disparatar!
    Voto na lufada de ar fresco do Ness!

    :P

    ResponderEliminar
  4. Olha minha querida permite-me que discorde! Eu a maior parte das vezes falo a sério... (hehehe)
    Tu tens é a sorte de ter como comentadores pessoas bem dispostas e seriamente bem humoradas... :))

    ResponderEliminar
  5. Orquídea, eu coloco-te nas "raras excepções", a maior parte das vezes. Mas sim, o que referes dos meus comentadores/as é bem verdade: bem humorados, com classe (a maior parte das vezes) e fazem-me sorrir muito.

    Turista, obrigada.

    Diuska, e tolinha também :)

    Mammy e Ness, ok, pronto, hoje não estou para discordar de ninguém :)

    ResponderEliminar

Olha, apetece-me moderar outra vez! Rais' partam lá isto!

P.S.: Não sou responsável por aquelas letrinhas e números enfadonhos que pedem aos robots que cá vêem ler-nos.