quarta-feira, 7 de fevereiro de 2007

Dúvida pessoal: será que errei a profissão?

Estou aqui de olhos em bico, algo saturada de ser "inseridora de dados pessoais" de terceiros, a fim de serem posteriormente tratados em termos estatísticos por quem de direito. Dados esses que nem sempre correspondem às opções que o formulário on-line oferece, e como tal, tenho que me desenmerdar da melhor maneira possível. E pensei eu, ingenuamente, há uns anitos atrás, que a minha profissão envolvia única e exclusivamente saber lidar cientificamente, pedagogica e socialmente com pessoas. Estou farta disto (da tarefa, não da profissão, apesar de tudo)!

7 comentários:

  1. Deixa lá há pior. Por exemplo, li aqui há uns tempos que há uma profissão que consiste basicamente em examinar os excrementos dos animais do Zoo...então e agora? Continuas farta dessa? :-))))

    ResponderEliminar
  2. Eu não estou farta da profissão :)

    ResponderEliminar
  3. Pois, até aí percebi eu, não percebi é do que te queixas :-)))))

    ResponderEliminar
  4. Pseudo, tu por acaso estavas a tentar dizer que estás numa profissão em que és pau para toda a colher?? Naaaah... não posso crer. Olha, e então quando é que deixas de trabalhar no Centro Nacional de Estatística?! :P

    ResponderEliminar
  5. Minha cara amiga, há 20 anos, na minha profissão, havia motoristas, secretárias, telefonistas, paquetes e sei lá bem que mais. Sabes quem quem faz isso tudo e mais sei lá o quê agora?!?

    ResponderEliminar
  6. Ah, e vamos ter "guerra" no capítulo profissional, cheira-me bem, mas deixo já aqui a outra face. Só peço que batas com jeitinho...

    ResponderEliminar
  7. Eu estou farto da minha profissão à canos !!!

    Mas não adianta queixar, sei que nunca vou mudar...é a vidinha :)

    ResponderEliminar

Olha, apetece-me moderar outra vez! Rais' partam lá isto!

P.S.: Não sou responsável por aquelas letrinhas e números enfadonhos que pedem aos robots que cá vêem ler-nos.