segunda-feira, 5 de fevereiro de 2007

Ai, nem sei o que diga, nem...

...o que faça. Não sei se o mime, se retribua a crítica, se comece a despedir-me dele mais convenientemente, se me converta ao FCP (nem morta!!!).
Eu cá estou inchadérrima, sem reacção (racional) e com um sorriso muito estúpido na cara. Sendo Leão de signo, adoro, como sabem, ser o centro das atenções e adulada e destacada e falada. Acho que eu dava uma óptima personagem do jet-set nacional. Que acham?
Pois o meu mais recente visitante assíduo fez-me isso tudo, e mais, aqui. Vão lá, vão, vão. Vão lá confirmar tudo aquilo que eu sou. Leiam-no repetidas vezes durante a manhã de hoje e venham cá elogiar-me ainda mais, sim? Ai, era mesmo disto que eu precisava numa segunda de manhã, depois de já ter estado a suar as estopinhas com 13 homens - já houve 2 baixas, desde que começou esta epopeia! Quem não sabe do que falo, que pense o que quiser :P
---
(Rai'smapartam! Então não é que o sitemeter foi de vela há 4 ou 5 dias atrás e hoje, depois dum elogio destes, nem sequer sei quem me visita e de onde vem? A falta que uma coisa destas realmente faz!

3 comentários:

  1. Vou tentar capitalizar esse teu 1º parágrafo :))

    ResponderEliminar
  2. Realmente, já tinha notado que há por aqui razões para ir ficando...

    Já agora, e recordando um post ali de baixo, tenho em mãos a difícil tarefa de explicar a uma criança de 9 anos, com uma irmã de 6 normalmente atenta, como nascem os bebés quando não é necessário fazer o corte na barriga da mãe...

    ResponderEliminar
  3. @Ness Express, estou também a passar por essa fase, apesar do meu só fazer 5 anitos um dia destes, brevemente. Socorro-me das imagens e legendas de um livro infantil - sem linguagem imprópria para canalha, desta vez - e falo-lhe de mim enqt grávida e parturiente. Uso "óvulo", "espermatozóide", "ovo", "pernas abertas", "pénis", "hospital", "parto" - termos que não lhe dizem nada para já, mas alguma coisa vai ficando. A seu tempo hão-de vir os olhares e comentários dúbios e nessa altura (estás a passar por ela, n'é?), logo se verá. Mas desconfio que aí em casa dão bem conta do recado. De qualquer modo, é algo que podes partilhar c'a gente um dia destes. 'Tamos sempre a aprender :)

    ResponderEliminar

Olha, apetece-me moderar outra vez! Rais' partam lá isto!

P.S.: Não sou responsável por aquelas letrinhas e números enfadonhos que pedem aos robots que cá vêem ler-nos.