quinta-feira, 16 de novembro de 2006

Dúvida numérica e pioneira

O meu telemóvel está estragado. Estou eu no bate-papo com alguém e de repente dá-lhe um treco e desliga-se. Isto acontece com demasiada frequência especialmente quando estou a namorar com o mais-que-tudo. E querem que haja comunicação no casamento! Nestas condições, como é que é possível tal?
Isto levou-me a pensar que se calhar preciso de um brinquedo novo para comunicar e manter intacta a minha relação matrimonial e as outras, com os amigos e as amigas.
Ou seja, eu passaria a pertencer àquela sempre-em-crescimento percentagem de pessoas proprietárias de dois ou mais telemóveis ostentados com orgulho sempre que saem de casa ou quando numa reunião os colocam lado a lado.
Isto tudo leva-me a pensar nos blogs. Conhecem alguém que não tenha um blog? Por acaso sim, mas não interessa para o meu raciocínio. Conhecem alguém que só tenha UM blog? Por acaso sim, mas também não interessa para a minha linha de pensamento. Quantas pessoas conhecem que têm mais do que um blog? E quantas pessoas conhecem que tenham mais do que um telemóvel?
A pergunta final é: em Portugal existem mais telemóveis por pessoa ou mais blogs por pessoa?
Vão ver que daqui a uns tempos será uma questão debatida por sociólogos, psicólogos, blogólogos e outros acabados em "-ogos".

5 comentários:

  1. Hmmmm... Não faço ideia. Parece-me que há menos blogues per capita do que telemóveis. Mas a pergunta não é essa. Eu tenho dois telemóveis e nenhum blogue, não sei se o meu caso é o mais representativo. Mas acho que há uma diferença entre ter dois ou mais telemóveis (o que na maioria dos casos me parece fútil) e ter mais do que um blogue, o que pode ser interessante, na medida em que, por exemplo, há imensos blogues temáticos, e uma pessoa pode gostar de escrever sobre futebol e política internacional sendo talvez mais eficaz do ponto de vista da audiência ter dois blogues ao invés de tudo ao molhe e fé em Deus.

    ResponderEliminar
  2. Eu só tenho um blog e um telemóvel.

    ResponderEliminar
  3. Se bem que, lá está, o mesmo princípio também se aplica aos telemóveis; pode ser necessário ter dois números, por exemplo, um profisional, só para receber chamadas do trabalho e outro pessoal; ou ter dois pessoais, por exemplo para que a cara metade não se inteire da existência de outra pessoa na vida do utilizador...

    ResponderEliminar
  4. No que se refere a blogs, trata-se da lógica da quantidade pela qualidade. Por exemplo eu. Tenho dois. Mas ainda assim a qualidade da soma não vale ainda um blog em condições, pelo que provavelmente terei de criar outro. Ou outros.

    ResponderEliminar
  5. Por acaso tenho dois dos dois, pois claro, acertaste! Quando um tlm se desliga falo num blog, e vice versa!

    Cumprimentos mixed by Jameson 12 anos!

    ResponderEliminar

Olha, apetece-me moderar outra vez! Rais' partam lá isto!

P.S.: Não sou responsável por aquelas letrinhas e números enfadonhos que pedem aos robots que cá vêem ler-nos.