sábado, 1 de abril de 2006

Mas então o dia das não-verdades não é todos os dias? Por aquilo que oiço e vejo nos meios de comunicação social, penso que andamos 365 dias a festejá-las... à excepção dos anos bissextos.

9 comentários:

  1. Pois... também tenho essa ideia, infelizmente!

    Saudações e bom fim-de-semana

    ResponderEliminar
  2. A cristina Candeias é a gaja que faz leitura da carta astral de alguns imbecis na praça da alegria :P

    ResponderEliminar
  3. Nós já vivemos num país de mentira...normal.
    Um beijo de boa noite Pseudo.

    ResponderEliminar
  4. jokas à mãe e ao pimpolho.

    ResponderEliminar
  5. Dia das não-verdades? Deixa-te de eufemismos. Chama os bois pelos nomes. Dia das mentiras, claro. Todos os dias, como dizes.

    ResponderEliminar
  6. Feitas as contas, não sei se houve algum dia em toda a minha vida em que eu não tenha mentido, ou para os outros, ou para mim própria...

    ResponderEliminar
  7. Boas férias mamã...beijinhos.

    ResponderEliminar
  8. Euaté acho que nós próprios somos uma fraude.Pensamos que existimos mas é mentira.

    ResponderEliminar

Olha, apetece-me moderar outra vez! Rais' partam lá isto!

P.S.: Não sou responsável por aquelas letrinhas e números enfadonhos que pedem aos robots que cá vêem ler-nos.