quarta-feira, 10 de novembro de 2021

Cum caraças!

 Já cá não vinha há mais de um ano e já não me lembrava o quão horrendo o aspecto disto ficou desde a última vez que lhe mexi nas entranhas! 


quarta-feira, 9 de setembro de 2020

Foi só um salto de paraquedas

Sim, porque isto é uma coisa que se faz todos os dias, tá claro. Uma pessoa acorda e apetece-lhe saltar de um avião a 4000 metros de altitude, muitos metros em queda livre e alguns já com o paraquedas aberto. Quer-se dizer, a mim não custou nadinha (custou-me imenso e ele não o fez com a minha autorização, pois eu sou uma medricas enorme. Só descansei o meu coração de mãe quando o vi em terra, já despido da fatiota adequada). Mas a ele custou, um bocadinho, que eu sei reconhecer nele os sinais de pavor e ansiedade. Mas nah...estava tudo bem antes e ficou tudo bem depois. Tá bem, abelha!
Foi só mais uma experiência....neste seu verão dezoitiano. Não têm sido poucas, não. Mas é para isto que a vida serve, não é verdade? 

domingo, 30 de agosto de 2020

Citação familiar

 Eu ouvi-a da boca de uma das cunhadas, não sei se é da autoria de outrem, mas gostei: "Ninguém é tão bonito como no Instagram nem tão feio como no cartão de cidadão." Isto a propósito das poses em bikini e fato-de-banho que abundam no Instagram do descendente aqui de casa e a que ela, a cunhada, acedeu antes da progenitora. (Sim, porque ele a mim mantém-me bloqueada! Diabo do rapaz!)

quinta-feira, 27 de agosto de 2020

Que descanso!

 Pela primeira vez nos últimos 12 anos, não me preocupei em comprar e pagar antes das férias todo o material escolar e manuais necessários para o descendente. Agora e até ao dia 28 de setembro, vou fingir que desconheço a enorme despesa que nos espera nos próximos 5 anos. 


(Caramba! Ainda foi ontem que lhe dei uma palmada no rabo para ele continuar a fazer uns trabalhitos de Português do 2ºano!)

domingo, 5 de janeiro de 2020

Jostein Gaarder

Descobri-o com a leitura de "O Mundo de Sofia", supostamente uma maneira fácil e acessível de entrar no mundo da Filosofia, matéria de que, confesso, nunca fui adepta pois nunca lhe vi utilidade práctica. Lembro-me de que gostei muito do livro mas o efeito pretendido nunca chegou a aparecer.
Entretanto, comecei a ler "O Vendedor de Histórias". Soberbo! E o autor é um contador inato de histórias que estão cheias de dilemas morais. Afinal, é uma das coisas que a Filosofia discute, certo? Ainda há esperança! 
(Mas não morro de amores pelo Petter!)

sábado, 4 de janeiro de 2020

135 km

Mais metro, menos metro...é o que distam as duas casas onde vou vivendo às temporadas, umas mais longas do que outras. Mas caramba, parece que hoje me mudei para o Pólo Norte, tal o briol que sinto neste cidade-aldeia. 

sexta-feira, 3 de janeiro de 2020

Duas semanas

Repetia tudo! Bem, quase tudo, que isto de ter um filho adolescente-jovem nem sempre é fácil. "Faz parte", como alguém costuma dizer.
Saio daqui renovada. E cada vez mais perto do fim...mas isso, desde o dia em que nasci.

Cum caraças!

 Já cá não vinha há mais de um ano e já não me lembrava o quão horrendo o aspecto disto ficou desde a última vez que lhe mexi nas entranhas!